Quem somos?

Minha foto
Somos um Ministério de Evangelização de Crianças da Diocese de São José dos Campos desde 1999. Utilizamos como recurso de evangelização o teatro. Também organizamos formações para evangelizadores e catequistas. Estamos sempre a disposição! Precisando é só mandar um mail para cantinhodanjos@gmail.com Vamos levar nossas crianças para Jesus!!

domingo, 25 de junho de 2017

Evangelho de Mateus 11,25-30

Missa de 09 de Julho de 2017

Resultado de imagem para desenho Evangelho de Mateus 11,25-3014º DOMINGO DO TEMPO COMUM
"VINDE A MIM"

Leituras
Primeira Leitura Zc 9,9-10
Salmo 144 / 145
Segunda Leitura Rm 8,9.11-13   
Evangelho Mt 11,25-30
Liturgia Diária

Mensagem Principal

Jesus nos chama para um projeto de vida para vivermos em comunidade e, ao ouvirmos a sua Palavra, somos atingidos pelo coração e Ele nos oferece descanso e alívio para a alma nas mais diversas dificuldades, alimentados pela Eucaristia e pela Palavra.
Folheto Nova Aliança

Para ajudar a refletir e entender o evangelho de hoje:

Preparem-se... estamos preparando o alimento espiritual para os preferidos de Jesus: as crianças!

MENSAGEM

A primeira sentença (cf. Mt 11,25-26) é uma oração de louvor que Jesus dirige ao Pai, porque Ele escondeu “estas coisas” aos “sábios e inteligentes” e as revelou aos “pequeninos”.
Os “sábios e inteligentes” são certamente esses “fariseus” e “doutores da Lei”, que absolutizavam a Lei, que se consideravam justos e dignos de salvação porque cumpriam escrupulosamente a Lei, que não estavam dispostos a deixar pôr em causa esse sistema religioso em que se tinham instalado e que – na sua perspectiva – lhes garantia automaticamente a salvação. Os “pequeninos” são os discípulos, os primeiros a responder positivamente à oferta do “Reino”; e são também esses pobres e marginalizados (os doentes, os publicanos, as mulheres de má vida, o “povo da terra”) que Jesus encontrava todos os dias pelos caminhos da Galileia, considerados malditos pela Lei, mas que acolhiam, com alegria e entusiasmo, a proposta libertadora de Jesus.
A segunda sentença (cf. Mt 11,27) relaciona-se com a anterior e explica o que é que foi escondido aos “sábios e inteligentes” e revelado aos “pequeninos”. Trata-se, nem mais nem menos, do “conhecimento” (quer dizer, uma “experiência profunda e íntima”) de Deus.
Os “sábios e inteligentes” (fariseus e doutores da Lei) estavam convencidos de que o conhecimento da Lei lhes dava o conhecimento de Deus. A Lei era uma espécie de “linha direta” para Deus, através da qual eles ficavam a conhecer Deus, a sua vontade, os seus projetos para o mundo e para os homens; por isso, apresentavam-se como detentores da verdade, representantes legítimos de Deus, capazes de interpretar a vontade e os planos divinos.
Jesus deixa claro que quem quiser fazer uma experiência profunda e íntima de Deus tem de aceitar Jesus e segui-l’O. Ele é “o Filho” e só Ele tem uma experiência profunda de intimidade e de comunhão com o Pai. Quem rejeitar Jesus não poderá “conhecer” Deus: quando muito, encontrará imagens distorcidas de Deus e aplicá-las-á depois para julgar o mundo e os homens. Mas quem aceitar Jesus e O seguir, aprenderá a viver em comunhão com Deus, na obediência total aos seus projetos e na aceitação incondicional dos seus planos.
A terceira sentença (cf. Mt 11,28-30) é um convite a ir ao encontro de Jesus e a aceitar a sua proposta: “vinde a Mim”; “tomai sobre vós o meu jugo…”.
Entre os fariseus do tempo de Jesus, a imagem do “jugo” era aplicada à Lei de Deus (cf. Si 6,24-30; 51,26-27) – a suprema norma de vida. Para os fariseus, por exemplo, a Lei não era um “jugo” pesado, mas um “jugo” glorioso, que devia ser carregado com alegria.
Na realidade, tratava-se de um “jugo” pesadíssimo. A impossibilidade de cumprir, no dia a dia, os 613 mandamentos da Lei escrita e oral, criava consciências pesadas e atormentadas. Os crentes, incapazes de estar em regra com a Lei, sentiam-se condenados e malditos, afastados de Deus e indignos da salvação. A Lei aprisionava em lugar de libertar e afastava os homens de Deus em lugar de os conduzir para a comunhão com Deus.
Jesus veio libertar o homem da escravidão da Lei. A sua proposta de libertação plena dirige-se aos doentes (na perspectiva da teologia oficial, vítimas de um castigo de Deus), aos pecadores (os publicanos, as mulheres de má vida, todos aqueles que tinham publicamente comportamentos política, social ou religiosamente incorretos), ao povo simples do país (que, pela dureza da vida que levava, não podia cumprir escrupulosamente todos os ritos da Lei), a todos aqueles que a Lei exclui e amaldiçoa. Jesus garante-lhes que Deus não os exclui nem amaldiçoa e convida-os a integrar o mundo novo do “Reino”. É nessa nova dinâmica proposta por Jesus que eles encontrarão a alegria e a felicidade que a Lei recusa dar-lhes.
A proposta do “Reino” será uma proposta reservada a uma classe determinada (os pobres, os débeis, os marginalizados) em detrimento de outra (os ricos, os poderosos, os da “situação”)? Não. A proposta do “Reino” destina-se a todos os homens e mulheres, sem exceção… No entanto, são os pobres e débeis aqueles que já desesperaram do socorro humano, que têm o coração mais disponível para acolher a proposta de Jesus. Os outros (os ricos, os poderosos) estão demasiado cheios de si próprios, dos seus interesses, dos seus esquemas organizados, para aceitar arriscar na novidade de Deus.
Acolhendo a proposta de Jesus e seguindo-O, os pobres e oprimidos encontrarão o Pai, tornar-se-ão “filhos de Deus” e descobrirão a vida plena, a salvação definitiva, a felicidade total.

Ideia de roteiro para teatro
(Entra a Catequista por um lado, o PA com uma cadeira de praia e óculos escuro e PB todo feliz pela frente)

C: Olá Crianças!! Tudo bem com vocês???

PA: Olá C, Tudo bem sim!! Oi Crianças!! Oi PB!!!

PB: (Cumprimenta com a maior felicidade) Oi todo mundo!!!

PA: C, foi até bom a Sra estar aqui!!! Veja que a Senhora ficará muitíssimo orgulhosa!!!

PB: Aeeee, Vai mesmo!!!

PA: Ah PB, você está feliz assim porque prestou atenção no Evangelho de hoje.

PB: É verdade! Estou MUITO feliz mesmo!!!

PA: Mas cadê a sua cadeira?

PB: Isso que eu ia te perguntar: por que você trouxe essa cadeira para a Igreja?? Essa cadeira é para levar para a praia!

PA: Então, o lugar onde mais descanso é na praia, na piscina. Por isso que trouxe essa cadeira!

C: Não estou entendendo nada PA!

PB: Eu também não entendi nadinha!! Agora você me confundiu mais ainda!!

PA: Catequista... pelo visto a Sra e PB não prestaram atenção no evangelho!!! Jesus faz uma incrível promessa!! Uma promessa que estou precisando muito mesmo!!!

PB: Eu Sei... por isso estou feliz!! Ele promete que vai revelar tudo!!!

C: Ai meu Deus!!! Acho que estou percebendo o porque vocês acham que ficarei orgulhosa!!

PA: Ué... Revelar tudo??? Não!! Ele promete que vai dar o descanso!

PB: O descanso???

PA: Exatamente. Olha vou até ler aqui no folhetinho onde está o Evangelho: "Vinde a mim todos vós que estais cansados e fatigados sob o peso dos vossos fardos, e eu vos darei descanso". Não é incrível!!!

PB: Incrivel mesmo!!!

C: Não PA.... o Evangelho de hoje (É interrompida)

PA: (Interrompe a C) Inclusive C, já vou decorar essa fala... por que quando a minha mãe ficar falando para eu arrumar o quarto, para eu guardar os meus brinquedos, fazer tarefa... vou dizer para ela assim: Mãe não posso!!! Cheguei até Jesus e Ele está me dando DESCANSO!! Então não posso me cansar mais não!!!

PB: Nossa, mas isso é bom demais!! Nunca mais ter que arrumar o quarto!!! Realmente não escutei essa parte não! Acho que fiquei tão feliz com a parte que escutei que não prestei atenção no resto!!

C: Mas não é isso não PA!!!

PA: (Interrompe novamente a C) Mas que parte que você escutou??

PB: Que Jesus estava em oração a Deus e falou que Ele escondeu tudo dos sábios e entendidos e vai revelar tudo aos pequeninos. Fiquei feliz porque sou pequenino por ser criança... Jesus vai revelar tudo para nós!!

PA: Meu Deus, que Evangelho mais lindo!! Então agora que temos que descansar para escutar a revelação de Jesus!! Será que o Padre não empresta uma cadeira para você??

C: Crianças posso falar agora?

PA: Pode falar!! Está ou não está orgulhosa!!!

PB: Estamos nos esforçando para entender o evangelho!!

C: Isso é lindo de ver!! Mas confundiram tudo!!!

PA: Sério???

PB: Pelo visto não entendemos nada não é??

C: Calma, vou explicar!!! Vamos por partes!! PA, você está muito errado em achar que agora não vai precisar mais fazer nenhuma tarefa porque Jesus está te dando o descanso.

PA: Ah, entendi tudo errado?!

C: Olha, Jesus faz um convite para que o busquem todos aqueles que se sentem cansados pela missão de evangelizar, para aqueles que falam de Jesus e não são escutados, para aqueles que passam por algum sofrimento como doença na família... Jesus está ensinando os discípulos e a todos nós a procurá-lo, que é manso e humilde de coração e o melhor lugar para encontramos a paz e o verdadeiro descanso.

PA: Nossa que lindo C!!! E eu achando que não precisaria mais fazer nenhuma tarefa, pois Jesus me daria para Sempre o descanso!! Agora entendi!!

C: E PB quando Jesus falou que esconde dos sábios e entendidos, estes são certamente os fariseus e doutores da lei, que na época se achavam merecedores da salvação e não estavam dispostos a deixar que ninguém mudasse seus pensamentos e ações.

PB: Pelo visto eles se achavam a última bolacha do pacote, não é?

C: Isso mesmo!!! Já os pequeninos, os discípulos, sempre responderam rapidamente que aceitavam mudar e viver para construir o Reino de Deus. Por isso que a verdade é revelada aos pequenos, pois eles querem verdadeiramente seguir Jesus.

PB: Ah, pensei que os pequeninos seriamos nós, as crianças!!

C: Olha PB, Jesus falou tudo isso aos discípulos. Mas como Ele nos convida a sermos discípulos, podemos pensar que tudo isso Ele está falando para nós também! Por isso, precisamos nos aproximar de Jesus para conhecê-lo cada vez mais, abrir o nosso coração a novidade de Deus, seguir sempre Jesus e nos deixar conduzir pelo Espírito Santo.

PA: Nossa C, quero muito fazer tudo isso!!! Mas como?

C: Uma forma muito boa de nos aproximar de Jesus, abrir o nosso coração e nos deixar conduzir pelo Espirito Santo é a oração!!!

PB: Que legal!! Posso fazer a oração hoje?

C: Que lindo PB! Pode sim! Vamos todos colocar as mãozinhas no coração, fechar os olhinhos e repetir a oração que o PB vai fazer para nós!

PB: Querido Jesus, quero abrir o meu coraçãozinho, ficar bem pertinho do Senhor e te seguir. Me ajuda a sempre pequenino e escolher o caminho do Senhor. Amém!

C: Que oração linda PB!!! Isso mesmo!! Se fizermos oração assim todos os dias, sempre ficaremos no caminho do Senhor e seremos mais mansos e humildes de coração como Jesus!!!

Sugestão de Música



Ideia para trabalhar esse Evangelho

Quantas revelações importantes esse lindo Evangelho quer os fazer!!! 

A sugestão é trabalhar esse Evangelho como um lindo presente em nossas vidas!! Vamos confeccionar um presente com as crianças para que elas levem para casa e possam seguir o que Jesus nos ensina neste dia!! 
É preciso fazer essa cruz em uma folha dura para que as dobras fiquem firmes e vire uma caixa!! As crianças podem decorar, a folha de trás da cruz para que a caixa fique colorida. E a tampa deve ser feita para segurar a caixa fechada.

Oração

Querido Jesus!
Quero ser sempre pequenino e aceitar construir o Seu Reino!
Sempre vou te buscar para aliviar o meu cansaço!
Portanto peço que o Espirito Santo faça crescer em mim a obediência e o amor para que eu possa abrir o meu coração, seguir e me deixar guiar por Jesus!
Amém

2 comentários:

  1. Respostas
    1. Obrigada pelo carinho!!!
      Que Deus continue te abençoando!
      Abraço Fraterno,
      Turminha do Cantinho dos Anjos

      Excluir