Quem somos?

Minha foto
Somos um Ministério de Evangelização de Crianças da Diocese de São José dos Campos desde 1999. Utilizamos como recurso de evangelização o teatro. Também organizamos formações para evangelizadores e catequistas. Estamos sempre a disposição! Precisando é só mandar um mail para cantinhodanjos@gmail.com Vamos levar nossas crianças para Jesus!!

domingo, 20 de novembro de 2016

Evangelho de Mateus 24, 37-44a

Missa de  27 de Novembro de 2016


Resultado de imagem para desenho colorido vamos nos preparar jesus está voltando1º DOMINGO DO ADVENTO 
CAMPANHA PARA A EVANGELIZAÇÃO 
“TAMBÉM VÓS FICAIS PREPARADOS

Leituras
Primeira Leitura Is 2,1-5
Salmo 121 / 122
Segunda Leitura Rm 13,11-14a
Evangelho Mt 24,37-44

Mensagem Principal

Queridos irmãos e irmãs em Cristo, começa nesse domingo um novo ano litúrgico, o ano A. A Palavra de Deus que hoje é proposta quer orientar nossa consciência para estarmos sempre atentos em nossa vida cotidiana, pois o pecado sempre está à espreita. Por isso, vigiai!
(Fonte: folheto Nova Aliança)

Para ajudar a refletir e entender o evangelho de hoje:

Preparem-se... estamos preparando o alimento espiritual para os preferidos de Jesus: as crianças!

Reflexão
Atitude de vigilância
O primeiro domingo do Advento é o início do ano litúrgico. Para os cristãos, é o verdadeiro “ano novo”, pois a nossa vida de fé é marcada e ritmada pela celebração do Mistério de Deus. O Advento é tempo de preparação para o Natal; tempo que deve ser vivido numa dupla atitude: intensificar a leitura e a meditação da Palavra de Deus e a penitência.
O texto da liturgia de hoje é parte do discurso escatológico de Jesus (Mt 24,1–25,46); discurso sobre o fim. Entenda-se fim não como término, mas como aquilo que é definitivo para a existência humana. Normalmente, a linguagem utilizada para este tipo de discurso é a apocalíptica, que tem um tom um tanto dramático e, por vezes, causa certo medo nas pessoas que não ultrapassam o sentido primeiro do texto. Em nosso caso, o discurso é exortação aos discípulos a colocarem a sua confiança naquilo que não passa. O precursor deste tipo de linguagem na Bíblia é o livro de Daniel (Dn 7–12), escrito em meados do segundo século antes de Cristo.
A evocação do tempo de Noé e o dilúvio servem para colocar os discípulos, destinatários do discurso (cf. Mt 24,1), de alerta e para os convidar a uma atitude de engajamento e coerência com sua vocação cristã. O dilúvio, como evento de purificação, é água divisora entre um antes e um depois. Parece que o dilúvio os faz abrir os olhos quanto ao modo como viviam: nada percebiam, “até que veio o dilúvio e arrastou a todos” (v. 39). A vida do ser humano não se encerra nos limites da história, nem se resume em comer e beber, nem em procurar “aproveitar a vida”. Na descrição sumária do tempo de Noé, Deus não aparece; é como se ele não contasse para nada. A excessiva preocupação com questões relativas à vida de cada dia e com o bem-estar pode não só nos distanciar das coisas do céu, como também nos fazer prescindir do próprio Deus ou até ignorar sua presença. A história do tempo de Noé, antes do dilúvio, serve para ilustrar esta situação e interpelar os discípulos a que mantenham a vida referida a Deus. A fé em Deus exige uma vida conforme a sua vontade: “Nem todo aquele que me diz Senhor, Senhor!, entrará no Reino dos céus, mas o que faz a vontade do meu Pai que está nos céus” (Mt 7,21). A vida de quem crê deve ser a expressão da fé que ele professa e do Deus em quem ele põe a sua esperança e confiança. O principal é buscar o Reino de Deus, que antecede todas as coisas, e por Deus o necessário é dado (ver: Lc 12,22-31).
A imprevisibilidade da vinda do Filho do Homem exige uma atitude diferente das pessoas do tempo de Noé, anteriores ao dilúvio (cf. v. 39b-41). A atitude requerida é a da vigilância (cf. v. 42). Vigilância é trabalho de discernimento, é empenho na atividade cotidiana que engaja o homem na sua missão, fruto do seguimento de Jesus Cristo. “É hora de despertarmos do sono”, diz Paulo, “abandonemos as obras das trevas, e vistamos as armas da luz; procedamos honestamente como em pleno dia […]. Revesti-vos do Senhor Jesus Cristo” (Rm 13,11-14).
Carlos Alberto Contieri, sj

Ideia de roteiro para teatro

Personagem A entra com uma mochila com lanterna, lanchinho, água e com uma fita crepe prendendo as pálpebras para ficar acordado e vigiando. Encontra Personagem B que entra todo equipado para mergulhar e com um guarda chuva aberto.

Personagem A: Oi todo mundo!!! Oi Personagem B! Nossa você está indo viajar?? Não pode!!!

Personagem B: Oi oi Galerinha!!! Não estou indo viajar não!! Pelo visto você não prestou atenção ao Evangelho de hoje!!

Personagem A: Claro que prestei sim!! Você não está vendo os meus olhos, minha lanterna, minha mochila.... (mostra tudo o que trouxe)

Personagem B: Estou vendo sim... mas não entendi!! Eu estou mesmo obedecendo ao Evangelho da missa de hoje!!

Personagem A: Ah mas não está não!! Pelo que estou percebendo você está preparado para viajar e mergulhar!!!

Personagem B: É exatamente isso!! Olha, não quero colocar medo em ninguém não!! Mas quando chegar a chuva e o dilúvio, vocês todos vão se afogar??

Personagem A: Dilúvio??

Personagem B: Claro! Deus vai mandar uma chuva tão, mas tão grande que vai acontecer um dilúvio, uma inundação!! Aí quero ver como vai ser! Eu estou preparado com a minha boinha, colete salva vidas, roupa de mergulho, snorkel, óculos e meu super guarda chuva!!!

Personagem A: Olha, você está viajando mesmo!! Onde ouviu tudo isso?

Personagem B: O Padre leu no Evangelho de hoje!! Mas fique tranquilo! Como sou uma pessoa de bom coração, tenho uma cordinha aqui para você se amarrar em mim! Aí você não vai de afogar!! Mas se eu fosse todos vocês (olha para a assembleia), eu iria para casa me preparar! Inclusive o Sr. Padre!! Por que essa cordinha aqui não vai dar para muita gente não!!

Personagem A: Mas para com a palhaçada!! Que bobeira enorme você está falando!! Eu é que estou preparada para o Evangelho que nos manda ficar atentos!!!

Personagem B: Ficar atentos??

Personagem A: Exatamente!! Precisamos ficar atentos e preparados, pois o Filho do Homem vai chegar!!

Personagem B: Filho do Homem? Que homem??

Personagem A: Ah, deve ser uma pessoa super importante!! Por que o Evangelho fala que Ele está chegando e precisamos nos preparar!!

Personagem B: Oh Personagem A, me diz uma coisa... o padre leu tudo isso no final do Evangelho?

Personagem A: Isso mesmo!!

Personagem B: Nossa, eu devia ter escutado tudo... na verdade eu escutei sobre a chuva, sobre o dilúvio e fui correndo para a minha casa me preparar!!

Personagem A: Ai Personagem B, só você mesmo!!

Personagem B: Então passa aqui a fita crepe!! Vamos ficar em alerta!! Será que o filho do Homem chega rápido ou demora a chegar??

Personagem A: Não faço a menor ideia!

(Entra a Catequista)

Catequista: Mas posso saber o que vocês estão fazendo aqui desse jeito e com tudo isso?

Personagem B: Eu estou preparado para a chuva e o dilúvio que vai acontecer!!

Personagem A: E estou aqui toda preparada para não dormir, ficar atenta para a chegada do Filho do Homem!!

Personagem B: Me diz uma coisa Catequista, esse Filho do Homem é famoso?? O Filho é alguém que conhecemos? E o Homem?

Catequista: Ai meu Deus!!! Que confusão vocês estão fazendo!!! Bom vou explicar!! O Evangelho de hoje vem nos ensinar que devemos estar preparados para a chegada do Filho do Homem!! É sim uma pessoa que devemos conhecer muito bem! Ele é Jesus Cristo!!

Personagem A: Jesus Cristo?

Catequista: Exatamente!! Ele está voltando e quer nos deixar preparados para a sua chegada!!

Personagem B: Agora não estou entendendo mais nada!!

Catequista: Então, quando o Evangelho fala sobre Noé, não quer dizer que vai acontecer uma chuva enorme não!! Nem um dilúvio!!! O que o Evangelho está mostrando é que quando o dilúvio aconteceu, apenas Noé estava preparado!!

Personagem B: Isso mesmo! Ele construiu uma grande arca!

Catequista: Da mesma forma quando o Evangelho fala assim: se o homem soubesse quando o ladrão chegaria, vocês acham que ele deixaria a casa sozinha?

Personagem A: Claro que não!!

Catequista: Muito bem!! Ele ficaria vigiando e esperando!! É exatamente isso que Jesus quer nos ensinar hoje! Quer que estejamos preparados para a sua vinda!! Afinal estamos vivendo o primeiro domingo do Advento!

Personagem B: Peraí então não é chuva que virá e sim vento?

Catequista: Não Personagem B!! Advento significa tempo de espera!! É o tempo que temos antes do Natal para nos preparamos para chegada de Jesus!!

Personagem A: Agora entendi!!! E como podemos nos preparar??

Catequista: Advento é tempo de olhar para a nossa vida e avaliar as nossas atitudes!! Estamos vivendo no caminho do Senhor, vivendo o Amor, o perdão e ajudando o nosso próximo? Se desviamos desse caminho, precisamos voltar!! E preparar nosso coração através da oração, da missa, da catequese para a chegada de Jesus!!

Personagem B: Eu quero preparar o meu coração!!! Já sei até o que eu vou fazer... vou pedir perdão para os meus amiguinhos que briguei na escola!!

Catequista: Isso mesmo!! Você entendeu direitinho!!

Personagem A: Eu também quero!!! E eu vou separar uns brinquedos ótimos que tenho e não estou usando para dar para quem não tem como comprar!!!

Catequista: Olhem estou muito orgulhosa!! Que tal começarmos a preparar o nosso coração com uma oração?? Coloquem as mãos no coração e repetem comigo: Querido Jesus, queremos preparar o nosso coração para a sua chegada! Que saibamos viver e espalhar a esperança que a sua vinda nos trás! Espirito Santo nos ajude a deixar o nosso coração preparado para a chegada de Jesus! Amém!
E podemos cantar essa música que nos ensina muito bem: Preparar o Coração pra Jesus que vai chegar!!!

Sugestão de Música



Ideia para trabalhar o Evangelho

Resultado de imagem para explicação do adventoOs momentos que vivemos na Igreja são divididos em Tempos. Então temos o Tempo do Advendo, Tempo do Natal, Tempo comum, Quaresma, Semana Santa, Tempo da Páscoa e finaliza com o Tempo comum. Esta é uma boa ilustração para mostrar às crianças a divisão dos tempos! 
Estamos iniciando o Tempo do Advento, tempo de preparar os corações das nossas crianças para a chegada de Jesus! 

Resultado de imagem para explicação do advento

Este é um simples texto para explicar para sobre o Advento e seus símbolos! Pode ser um livrinho para que as crianças levarem para casa!

No Evangelho de hoje, Jesus quer nos ensinar de que é importante estarmos preparados para a sua chegada. Como podemos preparar nossos corações?? Deixar que as crianças respondam. Então através da oração, da missa, da catequese preparamos o nosso coração.
A sugestão é montar com as crianças um Calendário do Advento. Para cada dia do calendário, teremos uma reflexão e uma sugestão para viver naquele dia!


Oração


Nenhum comentário:

Postar um comentário